Grupos do Facebook para o Suporte Social de Pessoas com Baixa Visão: uma análise de redes sociais baseada nas relações de amizade

Gustavo Miranda Caran, Marcos Arrais

Resumo


Este artigo objetiva descobrir como se articula o suporte social às pessoas com baixa visão no Facebook, a partir de uma abordagem quantitativa e exploratória dos grupos de apoio voltados para pessoas afetadas por Doenças Degenerativas da Retina (DDR), seus amigos e familiares. Os dados dos relacionamentos de amizade dos membros de 129 grupos do Facebook foram coletados, utilizando técnicas da Análise de Redes Sociais (ARS) e métodos estatísticos de análise de correlação entre variáveis. Os resultados apontaram para um conjunto variado de grupos, com membros de todos os continentes e, em sua maioria, do sexo feminino. Os grupos maiores possuem um número maior de relacionamentos de amizade, porém configuram redes menos densas. Dentre outras descobertas, a pesquisa também identificou que 3 em cada 4 usuários coletados participam em um único grupo. A partir das descobertas da presente pesquisa, foi estabelecido um conjunto de desdobramentos para futuras investigações que auxiliem na identificação de características de redes de suporte social informacional e comportamentos informacionais favoráveis à promoção da saúde dos usuários de mídias sociais.


Palavras-chave


Suporte Social; Análise de Redes Sociais; Baixa Visão; Doenças Degenerativas da Retina; Mídias Sociais; Facebook

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.






 

Ciência da Informação em Revista | E-ISSN 2358-0763

Curso de Biblioteconomia, Campus A. C. Simões
Av. Lourival Melo Mota, s/n
Tabuleiro dos Martins
CEP: 57072-900
Maceió, Alagoas, Brasil