Sobre a Revista

Foco e Escopo

Debates em Educação é uma revista quadrimestral do Programa de Pós-Graduação em Educação do Centro de Educação da Universidade Federal de Alagoas, publicada exclusivamente online e de acesso aberto. A revista publica trabalhos inéditos de autores brasileiros e estrangeiros que tratem da educação, podendo ser ensaios teóricos, resultados de pesquisas, debates e revisões críticas (teórico-metodológicas) da literatura científica educacional, relatos de experiências e reflexões sobre a realidade da educação local, nacional e internacional. A revista tem como principal objetivo proporcionar um espaço rico de debates entre pesquisadores e a comunidade, contemplando a pluralidade de pensamentos, temáticas, metodologias e estilos presentes no cenário educacional atual. As modalidades de trabalhos aceitas são as seguintes: Artigos, Debates, Entrevistas, Resenhas e Resumos de Dissertações e Teses. Os números da revista não são temáticos, funcionando na forma de fluxo contínuo de submissão, observando-se a o interstício temporal quadrimestral acima já referido para as publicações, de artigos relacionados à temática geral do campo educacional. Todavia, podem existir dossiês temáticos, mediante proposta e justificativa que guardem plausibilidade com as áreas aqui trabalhadas, ficando a cargo da equipe editorial aprovar ou rejeitar a proposta dos aludidos dossiês, respeitando-se, sempre, o limite máximo de três publicações dessa natureza em caráter anual, ocorrendo uma a uma de forma a guardar similitude com cada edição da revista.

A revista Debates em Educação publica apenas artigos que sejam emanados de, no máximo 3 autores conjuntamente, e desde que, pelo menos um/a do/as autore/as possuam titulação de doutorado.

Merece destacar que, visando minimizar a endogenia do periódico, serão buscadas formas de garantir uma maior veiculação de manuscritos de outros estados e/ou países, reservando-se a esta revista o direito de assegurar um limite de manuscritos de pesquisadore(a)s de Alagoas, que não ultrapasse o montante de 10% dos trabalhos totais por publicação de cada edição.

Esclarece-se, ainda, que intencionando uma veiculação mais ampla e diversificada de manuscritos, deve-se observar o prazo de um ano de interstício para publicação de artigos de um(a) mesmo(a) autor(a) na revista.

Processo de Avaliação pelos Pares

Os artigos originais serão avaliados por dois pareceristas, podendo ser membros do Conselho Editorial e/ou pareceristas ad hoc, indicados pela Comissão Editorial. Havendo discrepância, será solicitado o parecer de um terceiro avaliador. Será garantido o anonimato dos autores e avaliadores.

Os pareceres permitem três possibilidades: aceitação integral; aceitação parcial com reformulações e recusa integral. Os autores acompanharão o processo de avaliação no site da revista.

Serão considerados pelos avaliadores, os seguintes aspectos: atendimento às normas de redação e publicação, atualidade e relevância do tema, originalidade, consistência científica e atendimento às normas éticas. Opiniões e conceitos contidos nos trabalhos, bem como a adequação das citações bibliográficas são de exclusiva responsabilidade dos autores, não refletindo a opinião do Editor e do Conselho Editorial da revista.

O tempo de avaliação dependerá do fluxo de submissões e demandas/disponibilidade dos/as pareceristas ad hoc e conselho editorial. Também destacamos que, ao submeter o artigo, o/a autor/a com titulação de doutorado poderá ser convocado para emissão de parecer para outro artigo da revista.

Uma vez aceito para publicação, não será mais permitido fazer quaisquer modificações no texto, ressaltando-se que a quebra de anonimato, em qualquer modalidade, pode ser motivo de exclusão da submissão, tendo os/as autores/as que realizarem nova submissão.

Periodicidade

De 2009 a 2016, a periodicidade da Revista Debates em Educação era semestral. A partir de 2017, a revista se tornou quadrimestral, de acordo com as datas abaixo:

– Primeiro quadrimestre: jan./abr. - limite para publicar a edição 30 abril. 
– Segundo quadrimestre: maio/ago. - limite para publicar a edição 31 agosto. 
– Terceiro quadrimestre: set./dez. - limite para publicar a edição 31 dezembro. 

Os dizeres acima dizem respeito somente à data de publicação da edição e não ao envio de artigos. 

O recebimento de artigos caracteriza-se por fluxo contínuo sem que seja possível prever a data de sua publicação.

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

QUALIS/CAPES (2013 - 2016)

– Ensino B1 

– Interdisciplinar B4 

– Letras / Linguística B4 

– Psicologia B4 

– Comunicação e Informação B4 

– Sociologia B4 

– Educação B5

Publicação em Ahead of Print (AOP)

A publicação avançada dos artigos, ou seja, tão logo o manuscrito aprovado seja editado, é uma prioridade da Revista Debates em Educação. A modalidade de publicação avançada de artigos ou Ahead of Print (AOP) publica os artigos separadamente antes da composição dos números. O objetivo é contribuir para o avanço da pesquisa científica por meio da rápida comunicação dos resultados. Quanto mais rápido os artigos são indexados na Revista Debates em Educação, mais rapidamente são disponibilizados para acesso e citação.

Nesse sentido, visando minimizar algumas condições que dificultam o rápido acesso aos resultados de pesquisa publicados nos periódicos brasileiros, a Revista Debates em Educação proporciona a todos a possibilidade de antecipar a divulgação dos resultados de pesquisa por meio da opção de publicação dos artigos sob a modalidade Ahead of Print.

Como a própria nomenclatura indica, os artigos publicados como AOP são aqueles cuja publicação foi adiantada e serão incluídos nos futuros números a serem publicados. A publicação sob a modalidade Ahead of Print, será sempre utilizada respeitando o princípio da antecipação da publicação e não como recurso para minimizar outros problemas.

O artigo em AOP ainda não integra um número e, portanto, não possui as informações de volume, número, paginação, data e seção e será incluído em um número posteriormente. Já o artigo da publicação continuada possui toda a informação de composição de número.

Embora o AOP seja um documento em transição, considera-se que já representa a versão final do artigo, uma vez que, já passou por todas as etapas do processo editorial.

A natureza do AOP é exatamente estar em transição para um número, ou seja, todos os dados que tornam o artigo componente de um número, obrigatoriamente não constarão no documento.

A referência dos artigos em AOP será da seguinte forma:

SILVA, Fulano da; ROCHA, Sicrano da. Título do artigo. Debates em Educação, Maceió, 2018. ISSN 2175-6600. Disponível em: http://www.seer.ufal.br/index.php/debateseducacao/article/view/5065. Acesso em: 07 out. 2018. (Ahead of Print).

É importante salientar, que independente da norma utilizada, no momento de montar a referência, deve ser inserido a informação de que o artigo citado trata-se de AOP ex.: (Ahead of Print).

Periodicidade

De 2009 a 2016, a periodicidade da Revista Debates em Educação era semestral. A partir de 2017, a revista se tornou quadrimestral, de acordo com as datas abaixo:

– Primeiro quadrimestre: jan./abr. - limite para publicar a edição 30 abril. 
– Segundo quadrimestre: maio/ago. - limite para publicar a edição 31 agosto. 
– Terceiro quadrimestre: set./dez. - limite para publicar a edição 31 dezembro. 

Os dizeres acima dizem respeito somente à data de publicação da edição e não ao envio de artigos. 
O recebimento de artigos caracteriza-se por fluxo contínuo sem que seja possível prever a data de sua publicação.

Política anti-plágio

Antes de enviar as submissões aos avaliadores no âmbito do sistema Double-Blind Peer Review, os editores da revista Debates em Educação submetem os artigos ao programa anti-plágio CopySpider. Os autores devem garantir a originalidade dos textos e caso utilizem obras de outros autores que elas sejam devidamente citadas e referenciadas.

Política de taxas

A revista Debates em Educação é de acesso gratuito e não cobra taxas dos autores para as submissões dos artigos, para as avaliações e para a publicação dos textos aprovados.

Sponsors

A Revista Debates em Educação foi contemplada com o Edital Fapeal Nº 9/2018 Apoio à Editoração e Publicação de Periódicos Científicos.