DESENVOLVIMENTO DE UM APLICATIVO MULTIMÍDIA PARA MONITORAR E AVALIAR A EFICÁCIA DO HIPOCLORITO DE SÓDIO NA DESINFECÇÃO HOSPITALAR

UM ESTUDO DE CASO

Autores

  • Maria Kelyane Miguel da Silva
  • Karla Julyanna Aureliano Silva Fonseca
  • Livia Maria de Oliveira Ribeiro
  • Marcos Antônio da Conceição
  • Allisson Diego Crisostomo de Medeiros

Palavras-chave:

higienização; desinfecção; aplicativo móvel; indústria 4.0; hipoclorito de sódio.

Resumo

As práticas de higienização hospitalar, introduzidas por Florence Nightingale, em virtude da relação entre as sujidades e os riscos de infecção, permanecem ativas e evoluíram ao longo do tempo. Vale destacar, que as condições inadequadas de higiene hospitalar propiciam o aumento da taxa de mortalidade e o prolongamento das doenças. À vista disso, a desinfecção do ambiente emerge como alternativa, pois elimina cerca de 99% dos microrganismos das superfícies. Comumente, emprega-se o hipoclorito de sódio após a limpeza, com atenção à concentração e parâmetros físico-químicos. Em contrapartida, com os avanços tecnológicos da Indústria 4.0, os aplicativos móveis se tornaram essenciais no setor hospitalar. Assim, o Hospital Universitário Professor Alberto Antunes, localizado no estado de Alagoas, idealizou um aplicativo visando a comunicação interdisciplinar, que atende as demandas de higienização por meio de monitoramento em tempo real. Como efeito, identificou que alinhando-se à indústria 4.0, aprimora os cuidados de saúde e promove um ambiente mais seguro tanto para profissionais, quanto para os pacientes e seus acompanhantes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AGUIAR, J. M. A. Pesquisa-ação para otimização da qualidade da higienização em leito crítico hospitalar. 2023. 74f. Dissertação (Mestrado Profissional em Gestão da Qualidade em Serviços de Saúde) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2023. Disponível em: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/52684.

ALMADA, F. The Industry 4.0 revolution and the future of manufacturing execution systems. Journal of Innovation Management, v. 6, n. 1, p. 55-79, 2018. DOI: https://doi.org/10.24840/2183-0606_003.004_0003. Disponível em: https://journalsojs3.fe.up.pt/index.php/jim/article/view/2183-0606_003.004_0003.

ANDRADE, D.; ANGERAMI, E. L. S.; PADOVANIB, C. R. Condição microbiológica dos leitos hospitalares antes e depois da sua limpeza. Revista de Saúde Pública, v. 34, n. 2, p. 163-169, 2000. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rsp/a/wzmng6nzCG8S6Qk4r7gsgzn/?lang=pt.

BEZERRA, M. J. Elaboração e validação de checklist para a otimização do tempo da limpeza concorrente e terminal em sala cirúrgica. 2021. 96f. Dissertação (Mestrado Acadêmico ou Profissional em 2021) - Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza, 2021. Disponível em: https://siduece.uece.br/siduece/trabalhoAcademicoPublico.jsf?id=104545.

FRANCO, A. O.; GOMES, M. G. M. Desafios e oportunidades na saúde digital. Cadernos de Saúde Pública, v. 33, n. 11, 2017. Disponível em: https://www.scielo.br/j/csp/a/dJbtGtdYW6bVbb4kpsV3j8K/?lang=pt.

FREITAS, B. L. et al. Avaliação da estabilidade do pH e teor de cloro ativo de soluções de hipoclorito. RSBO, v. 2, p. 403-409, 2022. DOI: https://doi.org/10.21726/rsbo.v19i2.1882. Disponível em: https://periodicos.univille.br/RSBO/article/view/1882.

FRELLO, A. T.; CARRARO, T. E. Contribuições de florence nightingale: uma revisão integrativa da literatura. Escola Anna Nery, v. 17, n. 3, p. 573-579, 2013. Disponível em: https://www.scielo.br/j/ean/a/rtmhwKWW8d7sysDY6nqp3bP/abstract/?lang=pt.

SILVA, A. P. S. et al. Usabilidade dos aplicativos móveis para profissionais de saúde: Revisão integrativa. Journal Health Inform. v. 13, n. 3, p. 100-105, 2021. Disponível em: https://jhi.sbis.org.br/index.php/jhi-sbis/article/view/879.

SILVA, P. C. G. Avaliação do processo de limpeza hospitalar: comparação do uso de diferentes desinfetantes. 2023. 21f. Monografia do Trabalho de Conclusão de Residência Multiprofissional (Especialista em Controle de Infecção Hospitalar) – Comissão de controle de infecção hospitalar, Porto Alegre, 2023. Disponível: https://lume.ufrgs.br/handle/10183/254423.

WATENGÃLA, E. K.; VELÁZQUEZ, M. D.; BAPTISTA, A. V. M. O hipoclorito de sódio como desinfetante de superfícies na prevenção da COVID-19. Revista Angolana de Ciências, v. 2, n. 2, 2020. Disponível em: https://www.redalyc.org/articulo.oa?id=704174611010.

Downloads

Publicado

2024-05-07

Como Citar

Silva , M. K. M. da, Fonseca, K. J. A. S., Ribeiro, L. M. de O., Conceição, M. A. da, & Medeiros, A. D. C. de. (2024). DESENVOLVIMENTO DE UM APLICATIVO MULTIMÍDIA PARA MONITORAR E AVALIAR A EFICÁCIA DO HIPOCLORITO DE SÓDIO NA DESINFECÇÃO HOSPITALAR: UM ESTUDO DE CASO. Gep News, 8(1), 29–34. Recuperado de https://www.seer.ufal.br/index.php/gepnews/article/view/17587

Edição

Seção

Artigos