TRATAMENTO MULTIDISCIPLINAR EM GÊMEOS COM SÍNDROME DE TREACHER COLLINS: RELATO DE CASO

Autores

  • Fernanda Beatriz de Oliveira Ferreira
  • Isadora Maria da Costa da Rocha
  • Jorge Alberto Gonçalves Filho
  • Larissa Lima Gomes
  • Stela Maris Wanderley Nobre
  • Renata Rocha Leão
  • Rosany Larissa Brito de Oliveira

Resumo

A Síndrome de Treacher Collins, também conhecida como Disostose Mandibulofacial, consiste em uma condição hereditária causada principalmente por mutações no gene TCOF1. É caracterizada por anomalias craniofaciais e suas características clínicas são variáveis, podendo ser hipoplasia malar e mandibular, orelhas pequenas, mal-formadas ou ausentes, surdez total ou parcial, coloboma, fendas palpebrais inclinadas para baixo e palato estreito ou fissurado. O objetivo do presente trabalho foi relatar um caso clínico, com abordagem multidisciplinar, de dois irmãos gêmeos G.S.L e G.S.L., de 6 anos de idade, com Disostose Mandibulofacial. Inicialmente, ambos foram encaminhados pela equipe da genética, a qual é composta por dois médicos geneticistas e uma enfermeira, para avaliação odontológica. No exame clínico odontológico, observou-se a presença de mordida aberta anterior, presença de cáries, atresia de maxila e de mandíbula, alterações no lado esquerdo da face e as crianças mostravam-se pouco cooperadoras. Além do acompanhamento odontológico, os gêmeos, estavam em programação cirúrgica para cirurgia de adenoidectomia, com a médica otorrinolaringologista, assim, foi optado por realizar os procedimentos odontológicos e a cirurgia de adenoidectomia em tempo único no centro cirúrgico, com anestesia geral. Dessa forma, por se tratar de uma alteração genética, com manifestações clínicas diversas, o tratamento para os casos de Síndrome de Treacher Collins deve ser específico, com ênfase na atuação da equipe multidisciplinar com o objetivo de reabilitar e amenizar os sinais e sintomas, o que promoverá melhora da qualidade de vida desses indivíduos, possibilitando um restabelecimento das funções mastigatória, estética e auditiva.

Downloads

Publicado

01/08/2019