Pensar a vida a partir de uma perspectiva imanente

Autores

  • Adriana Barin de Azevedo UEM
  • Aline Sanches UEM

Resumo

Espinosa compreende Deus como equivalente à natureza, a partir de uma perspectiva totalmente imanente. Disto decorrem consequências éticas que inviabilizam uma moral pautada em noções transcendentes para julgar e guiar a existência. Pensamento considerado subversivo em sua época, até hoje guarda um potencial revolucionário e foi valorizado por Deleuze em sua denúncia sobre as forças opressoras que enfraquecem a vida. A transcendência permanece infiltrada em gestos e pensamentos, dos cotidianos aos filosóficos e científicos, alimentando paixões tristes e ressentimentos. Em contrapartida, a imanência erige-se como ferramenta para uma conduta ética, apoiada no respeito às diferenças e na construção contínua do conhecimento, mais do que na obediência servil à padrões pré-estabelecidos. Buscou-se aqui seguir algumas pistas deixadas por Espinosa e Deleuze, para demonstrar a relevância da noção de imanência na problematização de questões contemporâneas, tais como a
biopolítica e a necropolítica, e na produção de saídas criativas para afirmar a vida.

Biografia do Autor

Adriana Barin de Azevedo, UEM

Adriana Barin de Azevedo é Professora Adjunta do Departamento de Psicologia da Universidade Estadual de Maringá. Doutora em Psicologia Clínica pela PUCSP, com estágio sanduíche na Université de Paris X – Nanterre. Dedica-se aos estudos e pesquisas no campo da clínica e da saúde mental a partir do pensamento de Espinosa, Deleuze e Deligny para pensar as subjetividades e as experiências afetivas. E-mail: abazevedo@uem.br

Aline Sanches, UEM

Aline Sanches é Psicanalista e Professora Adjunta do Departamento de Psicologia da Universidade Estadual de Maringá. Doutora em Filosofia pela Universidade Federal de São Carlos e Doutora em Psicopatologia e Psicanálise pela Université Paris-7. Desde 2003, dedica-se a problematizar a psicanálise à luz do pensamento de Deleuze e Guattari, assim como busca nesses autores inspiração para uma clínica e uma vida não-fascista. E-mail: psicoaline@yahoo.com.br

Downloads

Publicado

17/12/2020