Autoconhecimento e autocuidado: diminuiçâo da morbimortalidade em depentes químicos

Autores

DOI:

https://doi.org/10.28998/rpss.e02106031

Resumo

Várias são as causas de morte que acometem o homem. Dentre todas, as causas externas e violentas lideram o topo dessa vasta lista. É notório salientar, no entanto, que uma parcela dessas mortes não são causadas isoladamente, mas foram resultado de um fator social que permeia o homem atual: consumo de drogas. Várias dessas mortes, através de cuidados primários de saúde, poderiam ter sido evitadas, caso o contato entre APS e paciente fosse antes estabelecido e achado oportunidade para um tratamento holístico. Esse trabalho tem como objetivo mostrar que a reflexão coordenada, direcionada por profissionais da saúde devidamente capacitados e auxiliada por ferramentas elaboradas para a melhora do autoconhecimento sobre problemas de saúde e suas consequências, amplia a noção de promoção e prevenção da saúde e trazem benefícios que diminuem a taxa de mortalidade por causas evitáveis.

Referências

SANTOS, Kelly Oliveira; DOS-SANTOS, Edirlei Machado. Onde estão os homens? O que os distanciam ou os aproximam dos serviços da atenção primária à saúde. Semina: Ciências Biológicas e da Saúde, v. 38, n. 1, p. 79-88.

BARBOSA, Nívea Carla Tavares et al. A educação permanente em saúde: uma análise dos projetos de intervenção apresentados por gestores de saúde durante a participação no curso de micropolíticas (EAD) da Universidade Federal Fluminense. 2016.

Perfil da morbimortalidade masculina no Brasil. Ministério da Saúde. 2018. Disponível em: < http://portalarquivos2.saude.gov.br/images/pdf/2018/fevereiro/19/Perfil-da-morbimortalidade-masculina-no-Brasil.pdf > Acesso em: 02 de Novembro de 2018.

COSTA, Samira Lima; FERREIRA, Rogerio Santos. VIOLÊNCIA URBANA E ASSISTÊNCIA SOCIAL NO AMBITO DA PROTEÇÃO SOCIAL BÁSICA. Revista de Políticas Públicas e Segurança Social, v. 1, n. 1, p. 54-76, 2017.

Downloads

Publicado

01/10/2021

Como Citar

Andrade, G. J. (2021). Autoconhecimento e autocuidado: diminuiçâo da morbimortalidade em depentes químicos. Revista Portal: Saúde E Sociedade, 6, e02106031. https://doi.org/10.28998/rpss.e02106031

Edição

Seção

CONITES 2020