Percepção dos Cuidadores de Crianças com Transtorno do Espectro Autista sobre a Atuação da Fisioterapia

Autores

  • Clarissa Cotrim Dos Anjos Centro Universitário Cesmac Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas
  • Sátira Gedalva Machado Teixeira
  • Sueny Alves Lobo de Miranda
  • Janne Eyre Timóteo dos Santos
  • Rafaela de Oliveira Pereira
  • Sandra Adriana Zimpel

DOI:

https://doi.org/10.28998/rpss.v2i3.3246

Resumo

Introdução- Nos dias atuais, apesar de um maior conhecimento sobre as crianças com Transtorno do Espectro Autista (TEA), ainda é surpreendente a diversidade clínica que as mesmas podem apresentar. Objetivo- Verificar a percepção dos cuidadores das crianças com TEA sobre a atuação da fisioterapia.  Materiais e métodos: Trata-se de uma pesquisa descritiva, transversal com características qualitativas, realizada com cuidadores de crianças com TEA em dois centros especializados na cidade de Maceió-AL. Incluiu-se nesta pesquisa crianças com TEA em faixa etária entre de 1 e 16 anos, com diagnóstico clínico confirmado de TEA, que realizassem acompanhamento fisioterapêutico. Aplicou-se um instrumento de coleta de dados bem como um roteiro de pergunta pré-determinadas para se obter a percepção dos cuidadores sobre a atuação da fisioterapia. Para uma avaliação das narrativas dos cuidadores, foi utilizada a análise do discurso do sujeito coletivo (DSC). Resultado: Foram entrevistadas 50 cuidadores de crianças com TEA, sendo esses na sua maioria mãe, casadas com escolaridade acima de 9 anos de estudo. Baseando-se nas narrativas dos cuidadores, identificaram-se duas ideias centrais sobre a atuação da fisioterapia nas crianças com TEA: “não sabiam dizer” e “estimula o desenvolvimento, fazendo exercícios para o equilíbrio e coordenação motora da criança”. Considerações Finais: A fisioterapia é importante no tratamento das crianças com TEA, porém os cuidadores das crianças com TEA não conseguem entender o que é de fato a mesma é, embora consigam identificar como a fisioterapia atua no tratamento dessas crianças.

 

Biografia do Autor

Sátira Gedalva Machado Teixeira

Graduada em Fisioterapia  pelo Centro Universitário Cesmac

Sueny Alves Lobo de Miranda

Graduada em Fisioterapia pelo Centro Universitário Cesmac

Rafaela de Oliveira Pereira

Discente do Curso de Fisioterapia do Centro Universitário Cesmac

Downloads

Publicado

20/05/2018

Como Citar

Dos Anjos, C. C., Teixeira, S. G. M., de Miranda, S. A. L., dos Santos, J. E. T., Pereira, R. de O., & Zimpel, S. A. (2018). Percepção dos Cuidadores de Crianças com Transtorno do Espectro Autista sobre a Atuação da Fisioterapia. Revista Portal: Saúde E Sociedade, 2(3), 517–532. https://doi.org/10.28998/rpss.v2i3.3246

Edição

Seção

ARTIGO ORIGINAL

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)