Avaliação Psicológica em Condutores de Automóveis: Uma Revisão Sistemática

Autores

  • Jessyca Brennand de Paula

DOI:

https://doi.org/10.28998/rpss.v2i3.4167

Resumo

Objetivo: Realizar um levantamento da literatura sobre a atuação do psicólogo do trânsito no Brasil, com foco na prática da avaliação psicológica com condutores de automóveis. Trata-se de uma revisão sistemática. Foram pesquisados artigos nas principais bases de dados utilizadas no Brasil, sendo: Bireme, Scielo, Pepsic e Lilacs. Foram identificados inicialmente 88 artigos, os quais após considerar as publicações dos últimos cinco anos e empregar os demais critérios de inclusão e exclusão, somaram quatro artigos, os quais compuseram este estudo. A análise dos dados foi realizada por meio do Excel 2013. Os resultados demonstraram, no que se refere à atuação do psicólogo de trânsito, um sentido contrário ao que comumente é apontado na literatura. Os pesquisadores foram além da prática realizada nas clínicas para avaliação pericial. Realizaram estudos para validação de instrumentos, para compreensão de aspectos da personalidade, bem como sobre a influência da categoria da CNH e o cometimento de infrações/acidentes. Conclui-se que existe um movimento em busca de mudanças, contudo, há um número pouco expressivo de publicações na área, dificultando a realização de análises mais acuradas. Apesar disto, é possível, a partir deste levantamento, repensar práticas e fomentar a realização de estudos empíricos acerca do comportamento do condutor de automóvel.

Descritores: Avaliação em Saúde; Psicologia Aplicada; Transportes.

 

Downloads

Publicado

20/05/2018

Como Citar

Paula, J. B. de. (2018). Avaliação Psicológica em Condutores de Automóveis: Uma Revisão Sistemática. Revista Portal: Saúde E Sociedade, 2(3), 591–605. https://doi.org/10.28998/rpss.v2i3.4167

Edição

Seção

ARTIGO DE REVISÃO