TURISMO DE AVENTURA E ECOTURISMO: ENTRE PRÁTICAS E NORMAS NO CONTEXTO BRASILEIRO

Fabrício Peixoto Vasconcelos, Alan Curcino Pedreira da Silva, Luciana Ferreira da Costa

Resumo


Este artigo objetiva descrever a importância e urgência da questão de norma em Turismo de Aventura e Ecoturismo no contexto brasileiro. A partir das definições e práticas das modalidades de Turismo de Aventura e Ecoturismo, busca-se desvelar as possíveis relações entre o homem e meio ambiente. Levanta a importância da Associação Brasileira das Agências de Ecoturismo e Turismo de Aventura nas definições e práticas de tais modalidades enfatizando a questão da satisfação, condução, risco controlado e segurança. Nessa perspectiva, apresenta as normas específicas publicadas pela Associação Brasileira de Normas Técnicas acerca da matéria, enfatizando seu papel social e sua contribuição para a disseminação responsável das práticas de Turismo de Aventura e Ecoturismo.

Palavras-chave


Turismo de Aventura; Ecoturismo; Associação Brasileira das Agências de Ecoturismo e Turismo de Aventura; Associação Brasileira de Normas Técnicas.

Texto completo:

PDF



Locations of visitors to this page

Revista Iberoamericana de Turismo - RITUR Penedo, Alagoas, Brasil. ISSN: 2236-6040.


Licença Creative Commons
Os originais publicados na Revista Iberoamericana de Turismo estão disponibilizados de acordo com uma Licença Creative Commons 3.0 Brasil (obrigatoriedade de atribuição de créditos/vedado uso comercial/vedada criação de obras derivadas/permitida citação referenciada).