Antropologia e Turismo: A importância da Antropologia nos Cursos Superiores de Turismo em Portugal

Autores

  • Noemi Marujo Universidade de Évora (Portugal)/CEG-IGOT

Palavras-chave:

Antropologia do Turismo, Educação, Investigação

Resumo

O turismo, na sua complexidade e multiplicidade, afecta as pessoas, os locais e a cultura de uma sociedade. A visão antropológica é insuficiente para compreender a riqueza e a diversidade do fenómeno turístico. No entanto, ela tem dado e continua a dar um contributo fundamental para a análise das práticas turísticas culturais em diferentes sociedades. O presente artigo pretende analisar a importância que a Antropologia assume nos planos curriculares dos Cursos Superiores de Turismo em Portugal. 

Biografia do Autor

Noemi Marujo, Universidade de Évora (Portugal)/CEG-IGOT

Doutorada em Turismo. Directora da Licenciatura em Turismo da Universidade de Évora. Membro da Comissão Executiva e de Acompanhamento do Mestrado em Turismo e Desenvolvimento de Destinos e Produtos da Universidade de Évora. Investigadora do Centro de Investigação CEG-IGOT. 

Downloads

Publicado

17/01/2016

Edição

Seção

Artigos