FORMAÇÃO DOCENTE NO ENSINO MÉDIO: A PERSPECTIVA DO PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL EM MINAS GERAIS

Autores

  • Valéria Moreira Rezende UFU
  • Rogéria Moreira Rezende Isobe UFTM

DOI:

https://doi.org/10.28998/2175-6600.2011v3n6p70

Resumo

Este artigo examina as políticas de formação continuada de professores do Ensino Médio em Minas Gerais. O foco analítico é o Programa de Desenvolvimento Profissional de Educadores (PDP), buscando-se apreender as concepções do Estado e do professor sobre esta formação. A coleta de dados foi feita por meio de análise de documentos e entrevistas. Os resultados confirmaram que o Estado pauta-se pela concepção ideal do professor como sujeito polivalente, competente e transformador da realidade. Para os docentes, um programa de formação continuada vertical, arbitrário e sem acompanhamento caracteriza o Estado centralizador que desconsidera a realidade e a prática que vivenciam.

Downloads

Publicado

04/09/2012

Como Citar

REZENDE, V. M.; ISOBE, R. M. R. FORMAÇÃO DOCENTE NO ENSINO MÉDIO: A PERSPECTIVA DO PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL EM MINAS GERAIS. Debates em Educação, [S. l.], v. 3, n. 6, p. 70, 2012. DOI: 10.28998/2175-6600.2011v3n6p70. Disponível em: https://www.seer.ufal.br/index.php/debateseducacao/article/view/624. Acesso em: 24 maio. 2022.

Edição

Seção

Artigos