A composição estética de A intrusa, de Júlia Lopes de Almeida: uma visão do conjunto

Autores

  • Marcelo Medeiros da Silva Universidade Estadual da Paraíba

DOI:

https://doi.org/10.28998/2317-9945.2012v1n49p195-220

Palavras-chave:

Júlia Lopes de Almeida, A intrusa, Romance Oitocentista

Resumo

Considerando-se que se deve, no estudo da obra literária, dar  relevância maior à análise de sua composição, sem descurar da comparação com o mundo, tendo-se, entretanto, o cuidado de não priorizar uma em detrimento da outra (CANDIDO, 2002), procuraremos, neste trabalho, voltar nossas atenções para os componentes estruturais que dão forma ao romance A intrusa (1994), escrito por Júlia Lopes de Almeida, notável escritora brasileira oitocentista.

 

DOI: https://doi.org/10.28998/rl.v1i49.951

Biografia do Autor

Marcelo Medeiros da Silva, Universidade Estadual da Paraíba

Doutor em Letras e professor de Literatura na
Universidade Estadual da Paraíba – Campus VI –
Monteiro.

Downloads

Como Citar

SILVA, M. M. da. A composição estética de A intrusa, de Júlia Lopes de Almeida: uma visão do conjunto. Leitura, [S. l.], v. 1, n. 49, p. 195–220, 2013. DOI: 10.28998/2317-9945.2012v1n49p195-220. Disponível em: https://www.seer.ufal.br/index.php/revistaleitura/article/view/951. Acesso em: 8 dez. 2021.