Cinema e televisão: afastamentos e reaproximações na economia do audiovisual brasileiro contemporâneo

Autores

  • Gárdia Rodrigues Silva UFAL

Palavras-chave:

Economia do Audiovisual, Economia Criativa, Fundo Setorial do Audiovisual, Lei 12.485/11

Resumo

No presente artigo, o olhar é direcionado para a configuração contemporânea da economia do audiovisual no cenário brasileiro. Para tanto, são observadas as relações entre cinema e televisão, delineadas ora por afastamentos, ora por reaproximações, e que, por sua vez, tecem esse contexto. Por fim, considerado o novo consórcio entre esses meios, alçado o audiovisual a setor da economia criativa, são analisados os contornos do surgimento do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA) e da promulgação da Lei 12.485/11 (Lei da TV por Assinatura).

Downloads

Publicado

16/05/2018

Como Citar

Silva, G. R. (2018). Cinema e televisão: afastamentos e reaproximações na economia do audiovisual brasileiro contemporâneo. Latitude, 6(2). Recuperado de https://www.seer.ufal.br/index.php/latitude/article/view/881