Percepções de professores do Ensino Fundamental quanto à importância das neurociências para o processo de aprendizagem e inclusão

Autores

  • Rogério Duarte Cândido Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG)
  • Amanda Sellos Rodrigues Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ/RJ) http://orcid.org/0000-0002-8832-7061
  • Viviane Aparecida Carvalho de Morais Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) http://orcid.org/0000-0003-3441-0254
  • Marcelo Diniz Monteiro de Barros Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG); Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ); Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) http://orcid.org/0000-0003-4420-5406
  • Flávia Lage Pessoa da Costa Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG). http://orcid.org/0000-0001-8316-0955

DOI:

https://doi.org/10.28998/2175-6600.2021v13n31p424-450

Palavras-chave:

Inclusão educacional, Neurociências, Formação de professores

Resumo

Este trabalho busca apresentar argumentos que demonstrem a importância da adequada formação de professores para a inclusão educacional em instituições de ensino fundamental em Belo Horizonte, Minas Gerais. Destaca-se a necessidade do investimento na formação inicial e continuada em neurociência, a fim de aprimorar-se o conhecimento científico e pedagógico dos professores, para que possam acolher, corretamente, alunos típicos e atípicos. O trabalho em questão apresenta, além dos dados acerca da inclusão em escolas da Regional Pampulha na rede municipal de Belo Horizonte, um breve histórico acerca da educação inclusiva, dados relativos aos principais tipos de deficiência encontrados na amostra avaliada e propostas reflexivas sobre a formação de docentes que atuam no Ensino Fundamental. 

Biografia do Autor

Rogério Duarte Cândido, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG)

Especialista em Neurociência e Educação (PUC-MG), Especialista em Ensino da Astronomia (FAE/UFMG),  Graduado em Geografia (IGC/UFMG).

Amanda Sellos Rodrigues, Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ/RJ)

Doutoranda em Ensino de Biociências e Saude pela (IOC/Fiocruz), Mestre em Ensino de Ciências (UFOP),  Especialista em Ensino de Ciências e Biologia (PUC-MG), Graduada em licenciatura e Bacharel  em Ciências Biológicas (PUC-MG).

Viviane Aparecida Carvalho de Morais, Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)

Doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Neurociência Translacional (INNT/UFRJ), Mestre em Neurociências (UFMG), Graduada em Fisioterapia (UFMG). Professora do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Neurociência e Educação: Bases Neurofisiológicas do Aprendizado da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas). 

Marcelo Diniz Monteiro de Barros, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG); Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ); Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG)

Pós-Doutor em Ensino em Biociências e Saúde (IOC/Fiocruz),Doutor em Ensino em Biociências e Saúde (IOC/Fiocruz),  Mestre em Zoologia de Vertebrados (PUC-MG), Especialista em Ensino de Ciências (UFMG), Graduado em Ciências Biológicas (PUC-MG). Professor Adjunto IV na Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. Coordenador Geral dos cursos de Formação de Professores, do curso de Especialização em Ensino de Ciências e Biologia e Professor dos cursos de Especialização em Educação Ambiental e Sustentabilidade, Microbiologia e Neurociência & Educação, ofertados pelo Instituto de Educação Continuada da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. Professor da Faculdade de Educação da Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG), Professor Permanente do Programa de Pós-Graduação em Ensino em Biociências e Saúde - PG-EBS (IOC/Fiocruz).

Flávia Lage Pessoa da Costa, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG).

Doutora e Mestre em Medicina Molecular (UFMG), Especialista em Ensino de Ciências e Biologia (PUC-MG), graduada em Ciências Biológicas (UFMG).  Professora na Educação Básica. Coordenadora da área de Ciências e Biologia em rede privada na Educação Básica. Professora adjunta I da PUC Minas. Coordenadora de pós-graduação na PUC-Minas.

Downloads

Publicado

26/06/2021

Como Citar

DUARTE CÂNDIDO, R.; SELLOS RODRIGUES, A.; APARECIDA CARVALHO DE MORAIS, V.; DINIZ MONTEIRO DE BARROS, M.; LAGE PESSOA DA COSTA, F. Percepções de professores do Ensino Fundamental quanto à importância das neurociências para o processo de aprendizagem e inclusão. Debates em Educação, [S. l.], v. 13, n. 31, p. 424–450, 2021. DOI: 10.28998/2175-6600.2021v13n31p424-450. Disponível em: https://www.seer.ufal.br/index.php/debateseducacao/article/view/10368. Acesso em: 23 set. 2021.

Edição

Seção

Artigos