O estágio de docência e os saberes docentes para o Ensino Superior

Autores

  • Fabricia Nates dos Santos Galvão Universidade Federal de Mato Grosso/UFMT https://orcid.org/0000-0002-0508-2725
  • Deise Rôos Universidade Federal de Mato Grosso/UFMT
  • Rute Cristina Domingos da Palma Universidade Federal de Mato Grosso/UFMT

DOI:

https://doi.org/10.28998/2175-6600.2023v15n37p1-20.e14230

Palavras-chave:

Estágio de docência, Ensino superior, Saberes docentes, Egressos

Resumo

Neste artigo, objetiva-se compreender a percepção de egressas do Programa de Pós-Graduação em Educação da UFMT sobre o Estágio de Docência e as aprendizagens acerca dos saberes docentes para atuar no Ensino Superior. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, que tem como fonte de dados os relatos reflexivos escritos apresentados por duas egressas ao final do Estágio de Docência e de uma entrevista semiestruturada. A análise dos dados foi conduzida a partir da Análise de Conteúdo. Na percepção das egressas, o Estágio de Docência planejado e supervisionado pelo professor responsável pela disciplina, visando ao aprofundamento teórico-metodológico, mediado pelo diálogo, por negociações e interações, possibilitou aprendizagens e reflexões acerca dos saberes disciplinares e profissionais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ANSELMO, K. de B.; LIMA, M. S. L. Estágio de docência: possibilidade para formação contínua. In: VEIGA, I. P. A.; VIANA, C. M. Q. Q.; SILVA, E. F. da; MACHADO, L. C (Org.). Docência, currículo e avaliação: territórios referenciais para a formação docente. Curitiba: CRV, 2017, p. 79-92.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 2016.

BOGDAN, R. C.; BIKLEN, S. K. Investigação qualitativa em educação: uma introdução à teoria e aos métodos. Porto, Portugal: Porto Editora, 1994.

CARVALHO, R. S. T.; DAVID, A. Saberes docentes e o professor reflexivo: reflexões na prática escolar. Revista debates em educação, Maceió, v. 7, n. 13, p. 156-167, ja./jun. 2015. Disponível em: https://www.seer.ufal.br/index.php/debateseducacao/article/view/742. Acesso em: 08 de out. 2022.

CONCEIÇÃO, J. S. da; NUNES, C. M. F. Saberes docentes e professores iniciantes: dialogando sobre a formação de professores para o ensino superior. Revista docência do ensino superior, v. 5, n. 1, p. 9-36, abr. 2015. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/rdes/article/view/1970/1312. Acesso em: 08 out. 2022.

CRUZ, G. B. da. Didática e docência no ensino superior. Revista brasileira de estudos pedagógicos, Brasília, v. 98, n. 250, p. 672-689, set./dez. 2017. Disponível em: http://rbep.inep.gov.br/ojs3/index.php/rbep/article/view/3337. Acesso em: 08 out. 2022.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 2001.

GATTI, B. A.; NUNES, M. M. R. Formação de professores para o ensino fundamental: estudo de currículos das licenciaturas em pedagogia, língua portuguesa, Matemática e ciências biológicas. Textos FCC, v. 29, p. 155, 2013. Acesso em: http://www.fcc.org.br/pesquisa/ publicacoes/textos_fcc/arquivos/1463/arquivoAnexado.pdf. Acesso em: 22 ago. 2021.

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Diário Oficial da União, Brasília, 23 dez. 1996. Seção 1, p. 27833. Disponível em: . Acesso em: 08 out. 2022.

LIBÂNEO, J. C. A formação de professores no curso de Pedagogia e o lugar destinado aos conteúdos do Ensino Fundamental: que falta faz o conhecimento do conteúdo a ser ensinado às crianças? In: SILVESTRE, M. A.; PINTO, U. de A. (Org.). Curso de Pedagogia: avanços e limites após as Diretrizes Curriculares Nacionais. São Paulo: Cortez, 2017.

MONTEIRO, F. A.; FREITAS, G. O.; ESCOTO, J. J. C. Estágio-docência: experiência potencializadora da formação. Série-Estudos, Campo Grande, MS, v. 27, n. 59, p. 79-96, jan./abr. 2022. Disponível em: https://www.serie-estudos.ucdb.br/serie-estudos/article/view/1609. Acesso em: 08 out. 2022.

NEUENFELDT, M. C. Formação de professores para o ensino superior: reflexões sobre a docência orientada. Santa Maria, 2006. In: II Seminário Nacional de Filosofia e Educação - Confluências, 2006.

NÓVOA, António. Formação de professores e profissão docente. 1992. Disponível em:http://repositorio.ul.pt/bitstream/10451/4758/1/FPPD_A_Novoa.pdf. Acesso em: 07 out. 2022.

PIMENTA, S. G.; et al. Os cursos de Licenciatura em Pedagogia: fragilidades na formação inicial do professor polivalente. In: SILVESTRE, Magali Aparecida; PINTO, Umberto de Andrade (Org.). Curso de Pedagogia: avanços e limites após as Diretrizes Curriculares Nacionais. São Paulo: Cortez, 2017.

PIMENTA, S.G.; LIMA, M. S. L. Estágio e docência: diferentes concepções. Revista Poíesis, v. 3, n. 3 e 4, p. 5-24, 2006. Disponível em: https://revistas.ufg.br/poiesis/article/view/10542. Acesso em: 07 out. 2022.

PIMENTA, S. G.; ANASTASIOU, L. das G. C. Docência no Ensino Superior. 5. ed. - São Paulo: Cortez, 2014.

XXXX UFXX. X. Disponível em: https://www.ufmt.br/curso/ppge/pagina/ppge/5172#top_page. Acesso em: 19 set. 2022.

SOARES, S. R.; CUNHA, M. I. da. Formação do professor: a docência universitária em busca de legitimidade. Salvador: EDUFBA, 2010.

TARDIF, M. Saberes profissionais dos professores e conhecimentos universitários - Elementos para uma epistemologia da prática profissional dos professores e suas consequências em relação à formação para o magistério. Revista Brasileira de Educação. v. 13, p. 05-24, 2000. Disponível em: http://www.ergonomia.ufpr.br/Metodologia/RBDE13_05_MAURICE_TARDIF.pdf. Acesso em: 09 out. 2022.

TARDIF, M. Saberes docentes e formação profissional. 17ª. ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2014.

TRIVIÑOS, A. N. da S. Introdução à pesquisa em ciências sociais: a pesquisa qualitativa em educação. São Paulo: Atlas, 1987.

UFXX. Resolução nº 6/2019, de 19 de julho de 2019. Regulamenta o Estágio de Docência no Programa de Pós-graduação em Educação da UFXX – XXXX/XXXX. Cuiabá: UFXX, 2022. Disponível em: https://cms.ufmt.br/files/galleries/220/6df5853e6d9d1857ff215cf0363b32ef25b524d82.pdf. Acesso em: 19 set. 2022.

VEIGA. I. P. A. Docência universitária na educação superior. In: RISTOFF, D.; SAVEGNANI, P. (Org.). Docência na educação superior. Brasília: Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, 2006, p.85-96. Disponível em: https://download.inep.gov.br/publicacoes/diversas/temas_da_educacao_superior/docencia_na_educacao_superior.pdf. Acesso em: 25 set. 2022.

ZABALZA, M. A. O ensino Universitário: seu cenário e seus protagonistas. Porto Alegre: Artmed, 2004.

Downloads

Publicado

2023-02-02

Como Citar

NATES DOS SANTOS GALVÃO, Fabricia; RÔOS, Deise; PALMA, Rute Cristina Domingos da. O estágio de docência e os saberes docentes para o Ensino Superior. Debates em Educação, [S. l.], v. 15, n. 37, p. 1–20.e14230, 2023. DOI: 10.28998/2175-6600.2023v15n37p1-20.e14230. Disponível em: https://www.seer.ufal.br/index.php/debateseducacao/article/view/14230. Acesso em: 20 jul. 2024.

Edição

Seção

Dossiê: O estágio de docência nos programas de pós-graduação stricto sensu

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.