Ações para maximizar aprendizagens em matemática financeira nos cursos EaD

Autores

DOI:

https://doi.org/10.28998/2175-6600.2018v10n21p162-184

Palavras-chave:

Processo de ensino-aprendizagem. Reprovação. Educação a distância.

Resumo

No catálogo de cursos de graduação virtual da instituição pesquisada, a Unidade de aprendizagem (UA) Matemática Financeira figura em doze cursos. A UA em questão apresenta um baixo desempenho dos estudantes (em média, de 47,99% de reprovações). Assim, em 2015 criou-se um grupo pedagógico de estudos, formado por designers instrucionais, assistentes e apoiado por coordenadores e tutores de curso. Como metodologia, adotamos a abordagem de métodos mistos de pesquisa aplicada. Como resultado deste estudo, este artigo compila as ações e estratégias encontradas para maximizar a aprendizagem em Matemática Financeira, com ações no âmbito das áreas de acompanhamento pedagógico do curso e análise do planejamento e desenho dos recursos didáticos.

Referências

ANDRIOLA, W. B. Evasão Discente na Universidade Federal do Ceará (UFC): proposta para identificar causas e implantar um Serviço de Orientação e Informação (SOI). In Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação. Rio de Janeiro, v. 11, n. 40: 332-347, jul./dez. 2003.

BRASIL / MEC / SESU. Secretaria de Educação Superior / Ministério da Educação. Comissão Especial de Estudos sobre a Evasão nas Universidades Públicas Brasileiras. Brasília, 1996/1997.

CRESWELL, J. W. Projeto de pesquisa: métodos qualitativo, quantitativo e misto. Porto Alegre: Artmed, 2007.

FREGONEIS, J. G. P. Estudos do Desempenho Acadêmico nos Cursos de Graduação dos Centros de Ciências Exatas e de Tecnologia da Universidade Estadual de Maringá: Período 1995-2000. Florianópolis, 2002, 145p. Dissertação (Mestrado em Engenharia da Produção). Universidade Federal de Santa Catarina.

GAIOSO, Natalicia Pacheco de Lacerda. O fenômeno da evasão escolar na educação superior no Brasil. 2005. 75 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2005.

GARZELLA, Fabiana Aurora Colombo. A disciplina de Cálculo I: análise das relações entre as práticas pedagógicas do professor e seus impactos nos alunos de Campinas. 2013. 275 f. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação. Universidade de Campinas, Campinas.

GOMES, A. A. Evasão e evadidos: o discurso dos alunos sobre evasão escolar nos cursos de licenciatura. Artigo extraído da tese de doutoramento defendida em 02/10/1998. Departamento de Educação - Faculdade de Ciências e Tecnologia - UNESP -19060-900 - Presidente Prudente - São Paulo, 1998.

LUCKESI, Cipriano Carlos. Avaliação da aprendizagem: componente do ato pedagógico. São Paulo: Cortez, 2011.

OLIVEIRA, Cristina K; WILL, Daniela E. M.; LOCH, Márcia; MOTERLE, Roseli R. Cadernos Acadêmicos, Palhoça, SC, v.4, n. 2, ago-dez, 2012, p. 77-93.

PAREDES, A. S. A evasão do terceiro grau em Curitiba. 23p. NUPES/USP, São Paulo, documento de trabalho n. 6/1994.

PRIM, A. L.; FÁVERO, J. D. Motivos da evasão escolar nos cursos de ensino superior de uma faculdade na cidade de Blumenau. E- Tech: Tecnologias para a Competitividade Industrial: Especial Educação, 2013.

SAMPAIO, Helena. Novas dinâmicas do ensino superior no Brasil: o público e o privado. Cadernos do GEA n.7, jan-jun, 2015.Disponível em: <http://flacso.org.br/files/2016/06/caderno_gea_n7_digitalfinal.pdf>. Acesso em: 16 nov.2017.

SARTORI, Ademilde; ROESLER, Jucimara. Educação Superior a Distância: gestão da aprendizagem e do desenvolvimento de materiais didáticos impressos e on-line. Tubarão: Unisul, 2005.

SCHWARTZMAN, Simon. Crescimento e diversificação do ensino superior: a próxima década. 1989. Disponível em: <http://www.schwartzman.org.br/simon/ensdec.htm>. Acesso em: 10 nov.2017.

TIGRINHO, Luiz Mauricio V. Evasão Escolar nas Instituições de Ensino Superior. Revista Gestão Universitária, 18 set. 2008. Disponível em: <http://www.gestaouniversitaria.com.br/artigos/evasao-escolar-nas-instituicoes-de-ensino-superior>. Acesso em: 16 nov. 2017.

Downloads

Publicado

31/08/2018

Como Citar

OLIVEIRA, C. K. de; SCHULZE, C.; SEEMANN, E. M. Ações para maximizar aprendizagens em matemática financeira nos cursos EaD. Debates em Educação, [S. l.], v. 10, n. 21, p. 162–184, 2018. DOI: 10.28998/2175-6600.2018v10n21p162-184. Disponível em: https://www.seer.ufal.br/index.php/debateseducacao/article/view/4342. Acesso em: 28 jan. 2023.

Edição

Seção

Artigos