A FILOSOFIA NO ENSINO MÉDIO: QUESTÕES SOBRE O PENSAR FILOSÓFICO

Autores

  • Yvisson Gomes dos Santos Universidade Federal de Alagoas - UFAL

DOI:

https://doi.org/10.28998/2175-6600.2014v6n12p157

Palavras-chave:

Filosofia, Ensino Médio, Sujeito, Pensar

Resumo

O presente artigo levanta considerações acerca do pensar filosófico dos alunos do ensino médio. A ideia é abordar quais os caminhos para que este pensamento se efetue de fato. O sujeito passa por crises que são inerentes a modernidade, e, passar por elas nos leva a afirmar que a crise seja algo fundante e necessária ao processo de maturação intelectual e humana dos indivíduos. A filosofia pensa esse sujeito produzindo outro ato que é o ato reflexivo. Este se volta para si, se distancia, mas tem retorno garantido e, graças ao pensamento, a reflexão se estabelece. O aluno, partícipe do socius, efetivamente passa por esta crise, pois ela é também inerente a ele, e poderá ser despertado pela função precípua da filosofia que é a de propor a não-conformação com o status quo estabelecido, vindo a questioná-lo.

Biografia do Autor

Yvisson Gomes dos Santos, Universidade Federal de Alagoas - UFAL

Mestrando em Educação Brasileira pela Universidade Federal de Alagoas – UFAL. E tendo como orientador o  Profº Drº. Walter Matias Lima – CEDU-UFAL

Downloads

Publicado

29/12/2014

Como Citar

GOMES DOS SANTOS, Y. A FILOSOFIA NO ENSINO MÉDIO: QUESTÕES SOBRE O PENSAR FILOSÓFICO. Debates em Educação, [S. l.], v. 6, n. 12, p. 157, 2014. DOI: 10.28998/2175-6600.2014v6n12p157. Disponível em: https://www.seer.ufal.br/index.php/debateseducacao/article/view/971. Acesso em: 30 jan. 2023.

Edição

Seção

Artigos