As relações de gênero no processo de formação de professores/as de Educação Física: o caso da EEFD/UFRJ

Autores

DOI:

https://doi.org/10.28998/2175-6600.2020v12nEsp2p114-137

Palavras-chave:

Educação Física. Relações de gênero. Corpo. Formação de professores.

Resumo

Objetivamos problematizar e analisar as relações de gênero no processo de formação de professores/as de Educação Física na Universidade Federal do Rio de Janeiro. Realizamos uma pesquisa de caráter qualitativo e etnográfico, utilizando a técnica de observação com um roteiro semiestruturado como instrumento de coleta de dados que, posteriormente, foi transcrita em diários de bordo para categorização e análise. Identificamos eventos categóricos diretamente influentes ao conjunto em questão, onde a heteronormatividade cravou preceitos de inteligibilidade entre sexo/gênero/corpo, contornando os homens de maiores possibilidades, reconhecimento e vivências, e diminuindo essas mesmas ordenações ao grupo de mulheres, colaborando para uma formação díspar entre professores de Educação Física.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rafael Marques Garcia, Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)

Doutorando em Educação Física na UFRJ e participante do Grupo de Estudos em Corpo, Esporte e Sociedade, o GECOS e do Laboratório de Estudos Corpo, Esporte e Sociedade, o LAbCOESO, devidamente cadastrado pelo DGP do CNPq.

João Paulo Marques, Universidade Estadual de Maringá (UEM)

Bacharel em Educação Física pela Universidade Estadual de Maringá (2019). Pesquisador integrante do Grupo de Pesquisa Corpo, Cultura e Ludicidade (GPCCL/DEF/UEM/CNPq) e do Grupo de Estudos Foucaultianos (GEF/PLE/UEM/CNPq). Desenvolve pesquisas voltadas aos corpos e às subjetividades sob as abordagens de estudos discursivos da linguagem e Physycal Cultural Studies. Orienta-se pela linha de Estudos Socioculturais em Educação Física, com interesses temáticos envolvendo corpo, subjetividade, discurso, cultura, cultura física e saúde.

Erik Giuseppe Barbosa Pereira, Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)

Doutor em Ciências do Exercício e do Esporte pela UERJ (2015). Atuação e interesse estão relacionadas aos aspectos culturais, históricos e sociais das práticas corporais em seus diversos ambientes de intervenção. Líder do Grupo de Estudos em Corpo, Esporte e Sociedade, o GECOS. Professor adjunto da EEFD/UFRJ.

Downloads

Publicado

2020-12-30

Como Citar

GARCIA, Rafael Marques; MARQUES, João Paulo; PEREIRA, Erik Giuseppe Barbosa. As relações de gênero no processo de formação de professores/as de Educação Física: o caso da EEFD/UFRJ. Debates em Educação, [S. l.], v. 12, n. Esp2, p. 114–137, 2020. DOI: 10.28998/2175-6600.2020v12nEsp2p114-137. Disponível em: https://www.seer.ufal.br/index.php/debateseducacao/article/view/9725. Acesso em: 25 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.