Sobre a Revista

Notícias

Dossiê/Número Temático: INFÂNCIA, NARRATIVA E EDUCAÇÃO: DIÁLOGOS PELA ALTERIDADE

26/01/2022

Dossiê/Número Temático:

INFÂNCIA, NARRATIVA E EDUCAÇÃO: DIÁLOGOS PELA ALTERIDADE

(Orgs):

Dra. Luciane Pandini-Simiano -UNISUL

Dra. Laura Cristina Vieira Pizzi -UFAL

 

O presente número temático articula infância, narrativa e educação, na perspectiva de oferecer visibilidades às possibilidades de abertura e acolhimento ao outro. A infância ainda tende a ser compreendida de maneira romântica ou ingênua, mas nossa proposta pretende inseri-la como uma categoria histórica, política e social. Compreender a criança é fundamental para entender a época em que se vive. A concepção de criança como sujeito único, produtor de cultura, inventivo e transformador, contribui, para a construção de um outro olhar sobre a criança e a infância. Tal olhar, por sua vez, precisa ganhar visibilidade e ser traduzido em palavras, em narrativas.

 Pensar a infância e narrativa em contextos educativos permite vislumbrar o laço a unir crianças e adultos a uma rede de significantes comuns. Partindo da premissa que educar é permitir o ingresso no mundo humano. Receber, criar um lugar, pôr-se à disposição, estabelecer vínculos de filiação e de pertença entre os sujeitos, assumimos como fio condutor as seguintes perguntas: Quem é esse Outro de nossos estudos e investigações? Como acolhê-lo? Qual o papel da educação? Quais as possibilidades de construir narrativas da infância atentas à alteridade no campo da Educação?

O dossiê/número temático intitulado “Infância, Narrativa e Educação: Diálogos pela Alteridade” busca fazer reverberar narrativas de infância(s) que possibilitem refletir sobre outros modos de olhar, de dizer e de pensar a educação, próprio da experiência dos sujeitos nesses espaços. Para tanto, propomos estabelecer um diálogo entre o campo da educação transitando entre diversas áreas do conhecimento, como as artes, a literatura, a psicanálise a filosofia, com interesses nos processos de criação estética, com uma postura ética e um comprometimento político. Pretende-se que tais contribuições, colaborem significativamente para o debate central no campo das ciências humanas, fundamentalmente no que se refere à relação infância, narrativa, educação e a questão da alteridade.

 

EMENTA:

A infância é o outro, que nos olha, nos interpela, supõe suspender certezas e admitir um possível “não saber” o qual se renova frente a ela. A criança traz consigo a imprevisibilidade, o desafio, a interrupção, a interrogação e convida a acolhê-la. Como acolher aos que chegam? Qual o papel da educação? O que significa para ela recebê-los? Como a educação vem respondendo a essa chegada? Pretendemos com a proposição do dossiê/número temático intitulado “Infância, Narrativa e Educação: Diálogos pela Alteridade”, fazer reverberar narrativas de infância(s) que possibilitem refletir sobre outros modos de olhar, de dizer e de pensar a educação, próprio da experiência dos sujeitos nesses espaços. A partir desse (des)encontro entre infância, narrativa e educação oferecer visibilidades as possibilidades de abertura e acolhimento ao outro, a alteridade.

 

Submissões até 15/02/2022

Saiba mais sobre Dossiê/Número Temático: INFÂNCIA, NARRATIVA E EDUCAÇÃO: DIÁLOGOS PELA ALTERIDADE

Edição Atual

v. 13 n. 33 (2021)
					Visualizar v. 13 n. 33 (2021)

Revista Debates em Educação | v. 13, n. 33, Set./Dez. (2021)

Dossiê “Educação Infantil e currículo(s): cultura(s), docência e formação em debate (volume 1)"

Publicado: 22/12/2021

Expediente

Dossiê: Educação Infantil e currículo(s):culturas, docência e formação em debate

Ver Todas as Edições